Em uma pequena cidade no norte da Itália, perto da cidade de Trento, existe um parque privado, perto de um lago pequeno.

Uma quadra de tênis não utilizada foi o motivo para um concurso de arte internacional chamado 260MQ organizado pelo estúdio supergulp (Firenze – Itália) com o objetivo de dar uma outra destinação ao espaço.

O trabalho é um pavilhão de site específico que descreve os arredores. E sublinha a importância dos elementos madeira luz, água e pedra.

Os visitantes podem entrar na ópera, caminhando através das tábuas de madeira, sentar-se numa pedra em um pequeno pátio. E podem relaxar um pouco e admirar o que eles têm ao redor.

O pavilhão também pode ser usado para eventos e shows como uma cenografia real, onde os personagens podem desaparecer silenciosamente ou andar na água escura que constantemente reflete o céu.

Saiba mais
http://www.architizer.com/en_us/projects/view/duecentosessantamq/42550/

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *