Novo “parklet” tem oficinas e prepara evento de abertura

Uma pequena extensão da calçada sobre antiga vaga de veículos para criar um espaço de estar, os “parklets” chegam a quatro casos na cidade com os eventos preparatórios abertos aos interessados que começam no sábado, 18, e domingo, 19, na rua Prudente de Morais.

Anteriormente surgiram outros na rua do Rosário, em frente à Galeria Rosário, e na rua Barão de Jundiaí, em frente à Hot Point, em projetos experimentais da Prefeitura. E outro, o primeiro da iniciativa privada, na rua Barão de Teffé em frente à Smoked Burger´s.

No sábado, a partir das 9 horas, a montagem inicial do parklet vai contar com orientação nos trabalhos de marcenaria do designer e arquiteto Pedro Paulino, que atuou como monitor do projeto Urbanismo Caminhável em 2015. Mais tarde, a partir das 13h30, será a vez do artista plástico e também arquiteto Marcelo Camunhas orientar os trabalhos de pintura do fundo com esmalte em tons escolhidos de azul e branco. A inspiração, segundo ele, foi criar um diálogo da rua com o céu.

No domingo, a partir das 9 horas, também é Marcelo que orienta os interessados em colaborar na aplicação de moldes vazados com temas relacionados à natureza.

“Vamos trazer o parklet, que recebemos do Instituto Mobilidade Verde e que teve adequações para a regulamentação municipal de Jundiaí, no final da tarde de sexta com ajuda de voluntários e amigos”, afirma Alessandra Matttos (na foto de abertura), coordenadora do Ateliê Lelê da Cuca, espaço de múltiplo uso desde coworking até mostras artísticas no número 1287 da rua Prudente de Morais.

Outra atividade preparatória acontece em outro fim de semana, com uma oficina de jardinagem do equipamento, coordenada por Thaysa Pit Passi. A data de abertura do novo parklet ainda não foi definida, mas terá atrações como uma mostra instantânea de artistas de Jundiaí e São Paulo em curadoria de Lilian Abdo, do evento paulistano A Outra Feira.

A iniciativa tem também apoio institucional do Instituto dos Arquitetos do Brasil (IAB Aglomeração Urbana de Jundiaí).

Contatos sobre o evento deste fim de semana podem ser feitos com Marcelo Camunhas em (11) 4497 3342 ou com Alessandra Mattos em (11) 9 9605 9970.

Além da participação direta, simpatizantes do processo também podem colaborar na “vaquinha eletrônica” do Catarse em http://www.catarse.me/parklele_e5147

Deixe um comentário