Jundiaí Shopping recebe mais de mil currículos

O Jundiaí Shopping, com inauguração prevista para 3 de outubro, já recebeu mais de mil currículos no processo seletivo para contratação de colaboradores. Ao todo, aproximadamente 4 mil vagas serão geradas na cidade, com oportunidades nas áreas de administração, financeiro, marketing, operações e vendas, segundo a administração do empreendimento.

O Jundiaí Shopping empregará diretamente cerca de 450 funcionários, entre próprios e terceirizados. Além disso, serão gerados mais de 3,5 mil empregos diretos e indiretos pelos lojistas – incluindo as vagas temporárias para o período natalino.

Guillermo Bloj, superintendente do Jundiaí Shopping — do grupo Multiplan — disse que o processo seletivo deve seguir até meados de setembro, pouco antes da inauguração oficial. Segundo ele, o recebimento de currículos está concentrado em um único canal, o site oficial do shopping (www.jundiaishopping.com.br), inclusive para as vagas abertas pelos lojistas.

“A ideia é facilitar tanto a vida do candidato à vaga quanto do lojista. Para o candidato, oferecemos a facilidade de cadastrar seu currículo uma única vez e ter acesso a todas as vagas adequadas ao seu perfil. Já o lojista receberá uma seleção de currículos de acordo com as suas necessidades, otimizando o processo de seleção e contratação”, enfatiza. “Vamos unir quem está procurando uma oportunidade ou uma nova colocação com quem precisa de mão de obra qualificada”, completa.

O Jundiaí Shopping está com vagas abertas para as áreas de recursos humanos, administração, tesouraria/contabilidade, auditoria, secretariado, secretariado executivo, recepção, concierge (bilíngue) marketing (coordenador, auxiliar e assistente), serviço de
atendimento ao consumidor, fraldário, almoxarifado, compras, controle de qualidade, manutenção, manutenção de ar condicionado, estacionamento (coordenação), limpeza (coordenação), brigada de incêndio (coordenação), paisagismo (coordenação), segurança (coordenação) e arquitetura.

Além das vagas diretas, serão gerados empregos por meio da contratação de empresas terceirizadas, via licitação. Neste caso, as oportunidades surgem nas áreas de paisagismo, brigada de incêndio, limpeza, segurança, estacionamento, gestão ambiental, controle de qualidade, auditoria alimentar, coleta seletiva de lixo, serviço de ambulatório, saneamento ambiental (controle de vetores), construção e manutenção (pedreiro, pintor, serralheiro, encanador e eletricista).

“Em todos os nossos processos de licitação, empresas locais estão envolvidas. Sempre que buscamos um fornecedor, procuramos dentro do possível prestigiar as empresas da cidade e da região”, ressalta Bloj.

Todas as 212 operações que serão inauguradas no Jundiaí Shopping terão demanda por mão de obra qualificada, gerando mais de 3,5 mil empregos diretos e indiretos – incluindo os temporários para o final do ano. As oportunidades vão desde a área de vendas, estoque e caixa até gerência de loja. Os perfis buscados variam de acordo com a função, com a área de atuação e as características da loja.
Para se concorrer a essas vagas, também é necessário cadastrar os currículos no site do shopping, no campo “Envie seu currículo”.

Bloj lembra que muitas pessoas podem começar no varejo por meio do Jundiaí Shopping, em grandes lojas como Zara, Le Lis Blanc, C&A, Renner, Riachuelo, entre outras, e fazer carreira. “Mas as oportunidades não estão apenas no varejo de moda. Para quem gosta de cultura, por exemplo, uma excelente oportunidade está na Livraria Saraiva, que chega à cidade junto com o shopping. Isso sem falar nos setores de gastronomia, serviços e entretenimento, que vêm muito fortes também”, diz.

Deixe um comentário