Programa de Miranda foi ao ar depois do horário político

claudio.miranda.rua
Matéria atualizada na quarta-feira (12), às 21h45 A juiza Valéria Lagrasta, do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo, derrubou a liminar que impedia a veiculação do programa eleitoral do candidato Cláudio Miranda, do PMDB, na noite de sexta-feira (7) e determinou que o programa fosse exibido nesta quarta-feira (12), a princípio durante o horário destinado ao deputado federal Luiz Fernando Machado (PSDB), candidato a prefeito pela coligação Avançar e Fazer Futuro. Segundo a coordenação de campanha de Cláudio Miranda, no entanto, na tarde desta quarta-feira o partido foi notificado de que o programa deveria ser exibido após o tempo normal da programação política, avançando 6m12 na grade das emissoras. O que aconteceu. A propaganda de Cláudio Miranda trouxe uma reportagem reproduzindo parte do programa CQC, da Rede Bandeirantes, que denunciou o deputado Luiz Fernando Machado por estar fazendo campanha e continuar recebendo os salários de deputado mesmo sem comparecer às sessões. Luiz Fernando se licenciou do cargo depois da exibição da reportagem. O objetivo do pedido de liminar era impedir a veiculação do programa na sexta-feira à noite e nos outros dias, e também garantir o direito de resposta do candidato Luiz Fernando, uma vez que a propaganda do PMDB já havia sido exibido no horário da tarde. Ambos os pedidos foram negados pela juíza, segundo informações do coordenador da campanha de Cláudio Miranda José Joaquim Rodrigues Filho. "A juiza primeiramente determinou que o programa fosse exibido no horário do PSDB, mas hoje recebemos uma notificação dizendo que o programa suspenso pela liminar seria exibido depois do horário político", disse JJ Rodrigues. O PMDB, segundo ele, examina se vai recorrer da decisão da juiza. "Estamos felizes porque conseguimos mostrar o programa, mas lamentamos que quem pediu a liminar e impediu a veiculação da propaganda na sexta-feira não tenha sido punido. Quem foi penalizado foram as emissoras", afirmou JJ Rodrigues. Na foto de abertura, Cláudio Miranda em caminhada pelo Centro com a candidata a vice, Fátima Giassetti, e o coordenador de campanha, JJ Rodrigues. Leia mais Liminar tira programa de Cláudio Miranda do ar. Ia falar do CQC Depois de denúncia, Luiz Fernando pede licença da Câmara