Um emocionante filme mostra a importância do Grendacc, que luta para se manter

Um filme produzido em oficina audiovisual do projeto Cine Tela Brasil mostra, com emoção, humor e alegria, o cotidiano de adolescentes que superaram a luta pela saúde com o apoio do Grendacc Jundiaí, instituição que no momento enfrenta uma outra luta com as instâncias federais, estaduais e municipais do Sistema Único de Saúde (SUS) pela manutenção de seu hospital infantil.

O curta-metragem de dez minutos de duração, chamado “Pão Com Mortadela e Meia Muzzarela”, é um minidocumentário com personagens reais. Produzido em 2008, o filme está disponível na rede You Tube. Para assistir, clique aqui.

Toda a produção foi feita em uma oficina do Cine Tela Brasil, projeto coordenado pela Ouroboros Cinema e Educação que tem mais de 500 vídeos produzidos por jovens alunos de ONGs e escolas públicas do país  e cuida do ensino audiovisual do site Tela Brasil.  

Em Jundiaí, o trabalho em 2008 teve muitas participações locais e foi coordenado pela Buriti Filmes com Laís Bodansky e Luiz Bolognesi e coordenação pedagógica de Moira Toledo. Se desenvolve em torno das famílias e amigos de Ricardo e Julian. A direção foi de Natália Ferretti e co-direção de Bianca Marcon, direção de arte de Vanessa Aguiar, produção de Marcos Valérius, assistência de Eduardo Patrick, roteiro do próprio Julian Alvez e trabalho de áudio em coletivo. A câmera é de Marcos Paulo.

O trabalho teve apoio da Prefeitura de Jundiaí e da CCR.      

Para saber mais sobre doações, voluntariado ou eventos de apoio visite o site do Grendacc

Veja também:

A cidade descobre seu próprio núcleo de cinema

http://www.oajundiai.com.br/qualidade_de_vida/a-cidade-descobre-seu-proprio-nucleo-de-cinema/