Hermeto Pascoal abre a programação do Festival Sesc Jazz & Blues

Hermeto Pascoal & Grupo abrem a programação do Festival Sesc Jazz & Blues na terça-feira (9), às 20h30, com uma apresentação no Ginásio. No show em que celebra seus 80 anos, Hermeto Pascoal lança pelo Selo Sesc o álbum duplo “No Mundo dos Sons”, que marca a sua volta aos estúdios após 15 anos. A apresentação vai reunir os grandes sucessos de sua carreira, além de improvisos em diversos instrumentos e objetos inusitados, de maneira interativa com a plateia. Considerado um dos maiores gênios em atividade na música mundial, nesta turnê especial o artista será acompanhado pelo Grupo formado por Itiberê Zwarg (baixo), Jota P. (saxes e flautas), Fabio Pascoal (percussão), André Marques (piano) e Ajurinã Zwarg (bateria). Os ingressos estão à venda pela internet. As vendas na bilheteria do Sesc Jundiaí acontecerão a partir de Valores: R$ 12,00 (credencial plena), R$ 20,00 (meia-entrada) e R$ 40 (inteira). Festival Sesc Jazz & Blues. Shows O Festival Sesc Jazz & Blues segue até o dia 12, com shows de Fede Vaz Blues Quinteto (10), Kirk Fletcher (10), Lourenço Rebetez (11), Nikki Hill (11) e Duo+Dois - Duofel + Carlos Malta + Robertinho Silva (12). Nos dias 10 e 11, o público tem direito a curtir os dois shows do dia pagando um único ingresso (R$ 15,00 | R$ 25,00 | R$ 50,00). No dia 12, o show do Duo+Dois terá ingressos à venda por 12,00 (credencial plena), R$ 20,00 (meia-entrada) e R$ 40 (inteira).

Hermeto Pascoal & Grupo

Lançamento do Selo Sesc 'No Mundo dos Sons'. O bruxo” ou “O mago”, como o chamam, é considerado um dos maiores gênios em atividade na música mundial. Em sua apresentação vai tocar os grandes sucessos de sua carreira, além de improvisos em diversos instrumentos e objetos inusitados, de maneira interativa com a plateia. Nesta turnê especial, o Grupo que acompanha o artista é formado por Itiberê Zwarg (baixo), Jota P. (saxes e flautas), Fabio Pascoal (percussão), André Marques (piano) e Ajurinã Zwarg (bateria). Dia 9. Quarta, 20h30

Fede Vaz Blues Quinteto

O músico é um dos mais respeitados e cultuados harmonistas de blues de toda a América do Sul; natural da capital uruguaia Montevideo, Fede é tido como uma referência no instrumento, sendo nome constante em diversos Festivais de Jazz e Blues em seu país de origem. O quinteto é integrado por respeitados músicos como Santiago Cutinella na guitarra, Marco Messina no contra baixo acústico, Hernán Costa na bateria e Pablo Gomes nos teclados; este quinteto vem recebendo destaque na mídia especializada uruguaia por sua flexibilidade musical e grande intensidade ao vivo, produzindo um Blues “grooveado”, repleto de referências a funk da década de ‘70 e de grande poderio sonoro. Dia 10. Quinta, 20h30

Kirk Fletcher

Kirk Fletcher tem uma grande reputação como cantor e guitarrista de blues. Kirk foi indicado quatro vezes ao Blues Music Award – nomeado British Blues em 2015 e já tocou com vários artistas populares, incluindo Joe Bonamassa e três anos como guitarrista do The Fabulous Thunderbirds. Ele também é o líder de sua própria banda Kirk Fletcher, tendo lançado três álbuns de estúdio e um álbum ao vivo. Um quarto álbum de estúdio está atualmente em gravação. Dia 10. Quinta, 22h30 Teatro | 220 lugares |

Lourenço Rebetez

A combinação da energia jazzística com os toques de candomblé e dos blocos afro-baianos foi a inspiração para ‘O Corpo de Dentro’ – álbum de estreia do compositor, arranjador e guitarrista Lourenço Rebetez, produzido por Arto Lindsay. O show traz ao palco uma orquestra de seis sopros (trompetes, saxofones, trombones); três percussionistas (atabaques, timbaus, surdos virados, caxixis); e sessão rítmica (piano, baixo acústico e bateria). Tratam-se de composições jazzísticas profundamente ligadas às matrizes rítmicas afro-brasileiras. Liderado pelo mestre Gabi Guedes, o trio de percussão vem somar aos arranjos ritmos como opanijé, aguerê, ijexá, samba-reggae, samba afro, vassi e bravum, que juntos à cozinha potente de Leandro Cabral, Bruno Migotto e Vitor Cabral formam os grooves enérgicos de ‘O Corpo de Dentro’. Dia 11. Sexta, 20h30

Nikki Hill

Em sua formação, Nikki Hill frequentou o coro de uma igreja com forte presença de R & B e Rumble Garage Rock, influenciando diretamente no desenvolvimento vocal da cantora. Em 2015, Nikki lançou seu último trabalho, ‘Heavy Hearts, Hard Fists’, que é uma boa mostra da versatilidade de Nikki, seja pela arrogância debochada de ‘Struttin’ ou pela balada comovente ‘Nothin’ With You’. Dia 11. Sexta, 22h30 Teatro | 220 lugares |

Duo+Dois (Duofel + Carlos Malta + Robertinho Silva)

Seguindo uma tendência consagrada pelo mainstream do jazz norte-americano, os instrumentistas Fernando Melo e Luiz Bueno, que formam o Duofel, se unem ao ‘Escultor do Vento’ Carlos Malta e o lendário percussionista Robertinho Silva em um show para marcar época. O repertório contempla versões de clássicos da MPB como, ‘Ponteio’ e ‘Casa Forte’, de Edu Lobo, ‘Cais’, de Milton Nascimento, ‘Água de Beber’, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, ‘Emoriô’ e ‘Bananeira’, de João Donato e Gilberto Gil e ‘Consolação’ e ‘Berimbau’, de Baden Powell, dentre outras. Dia 12. Sábado, 19h30 Teatro | 220 lugares |