Segundo pesquisa do Pew Research Center for the People & the Press, o consumo de notícias online ultrapassou pela primeira vez na história, os jornais e as emissoras de rádio nos Estados Unidos.

A informação é do site AdNews.

O levantamento mostra a porcentagem de audiência do noticiário no jornal, rádio, TV e internet, entre 1990 e 2012. De acordo com os dados, 56% das pessoas liam um jornal 22 anos atrás; atualmente, esse número chega a apenas 29%. No caso do rádio, a variação também é negativa, ficando entre os 54% e 33%.

Em contrapartida, as notícias online, com dados registrados na pesquisa somente a partir dos anos 2000, obtiveram 24% da audiência em 2004 e alcançaram, supreendentemente, 39% em 2012.

Contudo, o jornal e o rádio não são os únicos a sentirem os reflexos da digitalização da mídia.

A televisão, apesar de ainda ser o veículo mais utilizado, está cada vez mais vulnerável aos novos meios de comunicação. Em 1990, 68% das pessoas assistiam o noticiário pela TV; hoje, este número chega a 55%, ficando apenas 11 pontos percentuais acima da internet.

Deixe um comentário